Constelação Familiar Sistêmica
Uma nova perspectiva para a vida

Psicóloga Neli Maria Tavares

Confira alguns dos nossos registros de trabalhos desenvolvidos nestes anos:

Constelação Familiar Sistêmica é uma técnica de cura e autoconhecimento que busca identificar os bloqueios inconscientes dentro do sistema familiar ou da personalidade que travam diferentes áreas da vida, como relacionamentos, dinheiro ou saúde. Ela traz à luz a dinâmica que se esconde por trás dos problemas, descobrindo a origem de cada trauma para que a vida se torne mais plena através da harmonização e da reconciliação.  

 

Este processo de limpeza das camadas de consciência envolve presente e passado. Os conflitos interiores que não nos permitem seguir em frente como deveríamos podem estar ligados a distúrbios de personalidade, mas na maioria das vezes eles têm origem nos antepassados, com quem estamos intimamente ligados. Reproduzimos os conflitos que nossos ancestrais não resolveram, uma vez que continuamos vibrando na energia deles. Recebemos de nossos pais, avós e familiares um sistema de crenças. Através deles, de nossa cultura e religião, estamos envoltos em um campo de força único, no qual insistimos em permanecer para ‘fazer parte’.

Estes vínculos que se estabelecem entre nós e nossos antepassados são de amor, mas este amor é cego e infantil, o que causa graves danos por não nos permitir viver nosso próprio destino. A Constelação Familiar Sistêmica permite o acolhimento, a amorização e a cura destes dilemas ressonantes, o que resulta em felicidade pela reconciliação. 

 

Ao promover a cura da alma, libertando o amor puro e isento de julgamento que vive em cada um de nós, promovemos também a limpeza do Planeta, uma vez que emanamos energia quando nos expressamos. Portanto, avalie o que te bloqueia, observe com que antepassado você vibra mais, tire as camadas escondidas e se abra para uma nova perspectiva de vida.  A Constelação Familiar Sistêmica vai te ajudar nesta importante tarefa.

 

Como trabalhamos: a Constelação Familiar Sistêmica deve ser aplicada preferencialmente em grupos de 20 a 30 pessoas, em workshops que duram entremeio dia e um dia. O trabalho é vivencial e baseado no tratamento de dilemas específicos trazidos pelos integrantes do grupo com o objetivo de constelar para superar.

 

Quem pode participar de uma Constelação e o que pode ser constelado: qualquer pessoa com um ou vários problemas específicos de ordem familiar ou de personalidade interessada em se libertar e seguir a vida com mais harmonia. Os problemas podem ser de relacionamento, morte prematura, aborto, acidente, suicídio, vício, doenças crônica, separação, drogas, alcoolismo, homicídio, síndromes, insônia, fobias, e outras questões fortes na família.